Mais Visitantes

Como atrair visitantes com conteúdo simples (e gerar mais vendas)

Posted on in Mais Visitantes

Você com certeza já se perguntou como atrair visitantes para o seu site ou blog. Qual será o tipo de conteúdo que vende mais? Muitas pessoas acham que, para gerar muitas vendas, é preciso produzir conteúdos longos e até mesmo complicados. Mas será que isso é mesmo verdade?

O que pouca gente sabe é que é muito melhor seguir no caminho contrário, ou seja, manter seus conteúdos os mais simples e claros possíveis. Vamos entender melhor por que conteúdos simples vendem mais.

 

Luxo ou necessidade?

luxo-necessidade

Um artigo publicado na revista Harvard Business Review investigou qual é o fator que mais influencia um consumidor a realizar uma aquisição, comprar um produto repetidas vezes e recomendá-lo a outras pessoas. O resultado provavelmente vai lhe surpreender: o que mais impulsiona os consumidores é a simplicidade.

E por que isso acontece?

Você com certeza já ouviu falar que estamos em uma época de excesso de informação. Com tantos blogs, vídeos, e-books, podcasts, webinários e outros recursos, é cada vez mais difícil filtrar quais informações são ou não realmente úteis para nós.

Levando isso em consideração, fica fácil matar a charada. Se você quer engajar a audiência, incentivá-la a agir e, finalmente, comprar, precisa se perguntar como manter as coisas simples.

Parece difícil? Não se preocupe. Aqui estão cinco dicas de como atrair visitantes com conteúdo simples e gerar muito mais vendas:

 

1. Tenha apenas um objetivo

Você quer que seu conteúdo feche uma venda, não é? Mas isso não vai acontecer se você não tiver um objetivo curto, específico e único. Isso significa que você deve se prender ao call to action (chamada para a ação), e nada além disso. Esse será o seu objetivo estratégico.

 

2. Escolha uma única audiência

Para ter simplicidade, você precisa buscar a singularidade – tanto de objetivo, quanto de audiência. Nesse processo, saber para quem você não está vendendo pode ser ainda mais importante do que saber para quem vai vender.

Em outras palavras, você precisa qualificar sua audiência, mantendo o foco e restrigindo o máximo possível. E, para isso, o primeiro passo é, naturalmente, ter uma audiência – mas só uma.

 

3. Converse

Você já percebeu que a maioria dos erros de comunicação que cometemos no papel não são cometidos em uma conversa? Isso também é verdade quando se trata de ser simples.

Quando nós falamos, as palavras fluem melhor. Verbos e substantivos são usados com clareza, e a comunicação é feita de maneira informal e natural. Em uma conversa, você provavelmente não irá tentar usar frases longas ou tentar parecer inteligente.

E, principalmente, nós fazemos isso sem pensar – que é como deveríamos escrever. Então, se você quer fugir da complexidade, o melhor a fazer é usar um tom de conversa.

Sabe uma boa maneira de fazer isso? Pedindo a um amigo que leia o seu conteúdo para você em voz alta. Por mais assustadora que pareça, essa experiência é capaz de transformar mesmo os mais inexperientes em grandes produtores de conteúdo.

Outra alternativa é “conversar” com você mesmo. Nessa hora, ter um gravador por perto pode ajudar muito. O grande segredo para aproveitar melhor essa dica é dar um intervalo entre a produção e a leitura do conteúdo.

Experimente fazer uma gravação assim que terminar o rascunho. Uma ou duas horas depois, escute o áudio sem acompanhar o texto escrito e observe tudo que parecer complexo demais para uma conversa.

Confira também Fugindo do básico: como ter ideias criativas para conteúdos 

 

4. Fuja dos jargões ou termos muito específicos

Imagine que você vai trabalhar produzindo conteúdo para um determinado cliente. Depois de algumas semanas, você já terá tanto conhecimento sobre o assunto, que provavelmente estará falando como uma “fonte interna”. Ou seja, você usará palavras e expressões típicas daquela área e pouco conhecidas pela maior parte do público.

Você não precisa eliminar palavras grandes do seu conteúdo, desde que elas sejam apropriadas e se substituírem uma frase ou conjunto de palavras. Mas lembre-se de levar em consideração se essa palavra é importante para o público e, se necessário, explique o seu significado.

 

5. Corte adjetivos e advérbios

Se você observar bem, vai perceber que a maioria dos adjetivos e advérbios não acrescenta nenhuma informação útil. Tudo que eles fazem é deixar o seu texto longo e chato. Experimente cortá-los o máximo possível e utilizá-los apenas quando forem realmente necessários.

 

Uma fórmula para recordar

formula-recordar

Esses cinco passos têm apenas um objetivo – simplicidade. E por que ela é importante? Porque um texto que não é simples é difícil e confuso e, consequentemente, não irá gerar vendas.

A grande dica, então, é se lembrar sempre dessa fórmula: Simplicidade + clareza = confiança. Mantenha seu conteúdo simples e claro, e ele lhe trará grandes resultados.

[sc:NativeAdsLED ]

 

Natanael Oliveira

Natanael Oliveira é publicitário, Criador do Programa de Formação Expert em Vendas Online, Co – fundador do portal Marketing Com Digital Cursos e autor do livro Seja o Empresário da Sua Ideia.

Natanael Oliveira

Article published by

Natanael Oliveira é publicitário, Criador do Programa de Formação Expert em Vendas Online, Co – fundador do portal Marketing Com Digital Cursos e autor do livro Seja o Empresário da Sua Ideia.

One Reply to “Como atrair visitantes com conteúdo simples (e gerar mais vendas)”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *