produção conteúdo marketing redes sociais

Você Sabe Divulgar Seus Conteúdos ou Eles Estão Criando Poeira?

Facebook, Twitter, Instagram… Não estou falando de redes sociais, e sim de outros tipos de divulgação que, provavelmente, farão com que você pense: “Por que não comecei a fazer isso antes?”.

Se você não quer perder tempo, energia e até mesmo dinheiro com conteúdos que serão ignorados pela sua audiência até se transformarem em um peso morto, confira as dicas deste texto. É hora de tirar a poeira dos seus conteúdos!

As Redes Sociais São Tudo (NÃO MESMO!)

Você pode e DEVE continuar usando as redes sociais para promover conteúdos, produtos, serviços e qualquer tipo de mensagem que queira passar para o seu público. Porém, há 3 coisas que você precisa saber:

1 – Existem várias formas de trabalhar com divulgação em redes sociais, e talvez você não esteja usando as melhores (veremos isso em outro conteúdo)

2- As plataformas em que você publica o seu conteúdo fornecem recursos de divulgação que você provavelmente não utiliza. (Veremos isso neste texto)

3- Seu próprio conteúdo permite que você trabalhe com divulgação dentro dele.

Como assim?

As Plataformas Oferecem Recursos

divulgar conteúdos redes sociais marketing

Você produz vídeos para o Youtube? Se sim, deixa eu te fazer algumas perguntas…

– Seus vídeos possuem anotações?
– Você usa os Youtube Cards?
– Você preenche o espaço de informações de cada vídeo?
– A opção de conteúdo em destaque está ativada?

Talvez você não tenha entendido o que eu quis dizer por simplesmente não saber para que servem esses recursos do Youtube, mas vou resumir para você o que essas perguntas significam:

Cada uma delas é uma opção de divulgação DADA A VOCÊ, gratuitamente, pelo Youtube. Todas elas podem ser usadas em conjunto, sem contar que é possível analisar seus resultados através das métricas exibidas pelo Analytics do canal.

Isso significa que elas fazem parte da sua estratégia de marketing na plataforma e podem receber alterações de estratégia de acordo com os dados levantados por você (ou por um analista).

Claro, isso não está restrito ao Youtube, e vou lhe mostrar agora um exemplo muito simples disso.
Acredito que você já deve ter visto ao final ou ao lado de muitos textos em blogs uma área chamada “Conteúdos Relacionados”. Se o seu blog é feito em WordPress, existem plug-ins que fazem isso de forma automática para você.

Assim, ao concluir a leitura de um artigo, a pessoa pode escolher outros, com temas parecidos ou não, e continuar a navegar pelo seu site.

Outro recurso comum de qualquer site é o hiperlink. Eu seleciono uma palavra do meu texto e, ao ser clicada, ela leva o usuário para outra página, que normalmente tem algo de interesse para o leitor.

Viu só como o Youtube e o WordPress te dão opções de ampliar a sua divulgação?

O grande problema é que focamos muita atenção nas redes sociais, que são os locais mais “badalados” da internet, e não percebemos algo óbvio…

É dentro dos nossos conteúdos que temos o público-alvo mais selecionado, mais segmentado. A pessoa já está lá, consumido seu vídeo, seu texto, e você não pode deixar essa oportunidade de divulgação passar em branco.

Dicas Para Fazer Divulgação Dentro do Seu Conteúdo

Não adianta entupir a janela do Youtube com anotações e nem afogar o leitor em um mar de links dentro do seu texto.

Há uma lógica bem simples para que você implemente todos ou boa parte dos recursos que as plataformas disponibilizam.

1- Dê prioridade a divulgar coisas que tenham relação com o conteúdo ou com algo mencionado dentro dele.

Neste texto eu mencionei os Youtube Cards, logo utilizei a palavra como link na primeira vez que ela foi mencionada.

– Primeiro, porque isso é uma técnica do SEO que ajuda os conteúdos a ranquear.

– Segundo, porque quem ficou curioso para saber o que é esse Youtube Card só precisa clicar no meu link para ter a resposta. A pessoa não vai ter que ir até o Google e fazer uma pesquisa para depois escolher um resultado… Não, basta um clique.

– Terceiro, porque é mais fácil alguém se interessar e clicar em algo relacionado com o que ela já está vendo do que algo que seja muito diferente. Se eu estou dando dicas de produção sobre como gravar vídeos é mais difícil que a pessoa sinta interesse em clicar em um link sobre dicas de plug-ins para WordPress.

2- Não abuse na quantidade de divulgação

Você vai usar 10 anotações em um vídeo de 5 minutos, nem divulgar 7 Links em um pequeno texto. Quanto mais abas o seu público abrir no navegador, menores são as chances dele consumir seu conteúdo, pois “tem muita coisa pra ler, deixo pra depois”.

Se as divulgações são de naturezas distintas, como o Conteúdos Relacionados e os Links no texto, ou os 4 recursos do Youtube que mencionei anteriormente, praticamente não há problema.

3- Escolha uma divulgação que será o foco

Em muitos casos é melhor escolher apenas um conteúdo para ser divulgado, evitando que outros roubem o foco dessa divulgação especial dentro desse texto.

Há vários textos sobre dicas de Youtube neste blog, e certamente eu poderia divulgar muitos deles dentro de texto com a temática “Vídeos”, no entanto, faço uma análise do meu conteúdo para ver qual dos textos antigos mais se enquadra dentro do assunto abordado e foco a minha divulgação em cima do artigo escolhido.

4- Dica Especial

Capriche no título do seu conteúdo (vídeo, áudio ou texto) e na imagem de divulgação (thumbnail ou imagem destacada).

Um bom título é capaz de fazer o trabalho mais básico de divulgação dentro de uma rede social, que é gerar curiosidade e/ou interesse no público-alvo. A imagem, claro, é capaz de chamar atenção à primeira vista, e por isso deve ser muito bem trabalhada.

Para mais detalhes sobre a importância do título, sugiro que leia o texto: Produção de Conteúdo: Você Sabe Mesmo Gerar Resultado Com Isso?

Este e outros tópicos muito importantes são abordados no decorrer do texto que acabei de divulgar para você. rsrs.

Recapitulando

– A divulgação dos seus conteúdos não acontece apenas dentro das redes sociais

– Você deve investir na utilização dos recursos fornecidos pelas plataformas, como as diferenças ferramentas do Youtube e opções do WordPress

– A divulgação de conteúdos dentro de um conteúdo não deve ser feita sem um planejamento estratégico e uma análise de métricas.

– Não abuse na quantidade de divulgação e dê prioridade aos conteúdos que possuem relação com o conteúdo que o seu público está consumindo no momento.

E então, você utiliza as ferramentas de divulgação que estão ao seu alcance ou só dá atenção às redes sociais? Deixe um comentário sobre a sua experiência.

Quer dicas exclusivas de produção de conteúdo? Confira os minicursos da nossa área de membros e veja como produzir os mais diversos tipos de textos que geram vendas.

Webwriter do portal Marketing com Digital e colunista na revista oficial da Nintendo no Brasil. Também trabalha, desde 2006, com a produção de eventos de cultura pop voltados para jovens.

Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *