3 dicas rápidas para ter ideias de conteúdos para os artigos do seu blog

Como ter ideias de conteúdo para os artigos do meu blog?

Essa é uma pergunta que vem assombrando muito produtores de conteúdo, mas não precisa ser assim e eu quero te mostrar o por quê.

No vídeo de hoje eu vou compartilhar com você 3 dicas rápidas e que podem ser colocadas em prática agora mesmo.

É importante lembrar que você pode usar essas dicas para qualquer tipo de conteúdo, seja em em texto, vídeo ou áudio.

Então relaxa na cadeira e aperta o play para as dicas que vem a seguir.

Dica nº 1 – Use o Google Suggest

O Google Suggest é uma ferramenta do Google que você usa diariamente.

É isso mesmo. Você usa todos os dias.

Se você entrou na home do Google e fez uma busca, você usou essa ferramenta.

É ela quem completa a sua busca com sugestões do que você possivelmente está pesquisando, parecia mágica, mas era só o Google sendo Google. Rs.

Apesar da ferramenta fazer isso para de certa forma economizar dinheiro, não entraremos nesse mérito, a ferramenta é excelente pois te mostra exatamente o padrão de busca dos usuários para uma determinada palavra-chave.

Então se você digitar algo como: “quero emagrecer”

Ele vai te mostrar todas as palavras que os usuários utilizam relacionadas a esses termo, ou seja, você vai descobrir exatamente como o seu público pesquisa, e o mais importante: o que ele quer saber.

Seu único trabalho nesse caso será o de produzir um conteúdo maravilhoso, ajudando o seu público e sendo útil.

Dica nº 2: Pesquise a concorrência

A concorrência sempre será uma excelente fonte de pesquisa, se você estiver atento aos erros do seu concorrente para não cometê-los  e também de olho nos acertos, para investir naquilo, estará um passo a frente.

No caso do marketing digital, você pode usar algumas ferramentas para dar uma espiadinha na concorrência.

Como assim?

Você pode descobrir quais são os conteúdos mais acessados no blog da concorrência e quais palavras-chaves trazem mais tráfego para o site deles.

Basta você colar a url do site do seu concorrente em uma ferramenta chamada SEMRrush, ela tem versões paga e gratuita, então dependendo do seu volume de pesquisa pode valer a pena assinar.

Ela vai fazer uma busca e te listar todos os artigos, palavras-chave, volume de buscas e quantos porcento aquele artigo representa do tráfego do cliente.

Muito legal, né?

Mas, cuidado. Na hora de fazer as análises não saia copiando tudo sem verificar a relevância daquele conteúdo para o seu público.

Lembre-se que em primeiro lugar está o usuário, então é necessário focar nele.

Se o seu concorrente trabalha com emagrecimento e tem um artigo sobre “jogos online” com um tráfego gigante, isso não quer dizer que ele esteja usando uma boa estratégia.

As vezes ele pode atirar para todo lado buscando volume de acessos, mas isso não quer dizer que essa é uma boa estratégia de vendas, sendo assim é um tiro no pé.

Então, antes de definir quais conteúdos você vai produzir baseados na concorrência, faça uma pequena análise da relevância para o seu público.

E, claro, não deixe de escrever um conteúdo sensacional, muito melhor que o do seu concorrente.

Dica nº 3 – Pesquise nos grupos do Facebook

As pessoas se agrupam para discutir assuntos de interesse em comum desde que o mundo é mundo.

Nesse ponto a internet nos entrega de mão beijada a possibilidade de não apenas participar e acompanhar essas discussões.

Ela nos da uma possibilidade muito maior, que é a de acessar essa informação a qualquer momento.

Todas as discussões estão salvas. Dúvidas, problemas, a um clique de distância, no nosso tão querido, Facebook.

A única coisa que você precisa fazer é mapear quais são os grupos que discutem o seu assunto, pedir para participar e verificar quais são as dúvidas do seu público.

Se for o caso você mesmo pode criar um grupo e levantar a discussão. Simples assim.

Eu participo de um grupo de fãs de uma autora que só escreve livros de romances ambientados na Inglaterra do séc 19. Super específico, certo?

Lá dentro eu consigo ver qual o perfil do avatar, em todos os aspectos. O que ele mais gosta nos livros, o que gostaria de ter mais ou menos.

São tantas discussões levantadas que alguém que tivesse aquele público como seu poderia usar apenas o grupo como fonte de pesquisa.

Não é maravilhoso?

Essas são as possibilidades do mundo online, então apenas use-as ao seu favor.

Vamos falar mais sobre isso? Te encontro dentro da nossa comunidade no Facebook.

Se você ainda não faz parte dela, seja membro vip do nosso portal de membros e tenha acesso a dezenas de treinamentos sobre marketing digital.

E para você que acompanha nosso blog, experimente um mês de VIP por apenas 1 real, meu presente para você.

Seja um membro VIP.

Até o próximo artigo, forte Abraço.

Iaponira Oliveira

 

Iaponira Oliveira
Publicitária, Gestora de conteúdo e Co-fundadora do portal Marketing Com Digital. Realizou projetos de Marketing de Conteúdo em diversas empresas e é responsável por vários treinamentos sobre produção de conteúdo.

Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *